sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Novelas & Moda - Anos 80

Os anos 80 foram o máximo, só quem viveu pode dizer. A moda dessa década era exagerada, influenciada pelos videoclipes e as mulheres yuppies que entraram para o mercado de trabalho. As novelas dentro dos anos 80 também lançaram vários modismos.
Começando pelas aberturas de algumas novelas, vamos relembrar o que virou moda.

 A novela Plumas & Paetês de 1980 tinha a moda como plano de fundo e na abertura já se dava uma prévia do que se ia usar. O Brasil entrava na onda do Prét A Porter, ou seja a moda pronta para usar, foi começo das indústrias de confecções no nosso país e a novela retratava isso.

 A calça bufante foi algo que entrou na moda, existiam até macacões com as pernas bem largas.

Toda mulher no ínicio dos anos 80 deve ter tido um leotard em seu guarda-roupa, também conhecido como collant, era versátil podia sair da academia de ginástica, colocar um saia ou calça por cima e o look estava pronto.

A abertura de Baila Comigo de 1981 foi um sucesso, como malhar era a nova moda dos anos 80, todas as mulheres queriam as malhas de ginásticas e polainas coloridas iguais as que apareciam na TV.





A abertura da novela Sol de Verão de 1982, antecipava a moda dos acessórios de plasticos que se usariam por toda a década de 80. Também podemos ver as cores fluorescentes, o biquini enroladinho, viseira colorida e aquele relógio com calculadora da Casio. Grandes hits dos anos 80.

 Na abertura da novela Elas por Elas de 1982, Mila Moreira aparece usando um blusa manga morcego com gola escafandro, uma peça que se usou durante a década de 80.


Já na abertura da novela Guerra dos Sexos de 1983, a moda do micro shorts que deixavam os homens babando, era usado nas Roller Disco, as discotecas dos anos 80 onde tinham pistas para se andar de patins.

 A abertura da novela Voltei Pra Você de 1983 e moda dos tênis tipo "Keds"

 Em 1984, o mundo se rendia ao Break, uma dança de rua que conquistou à todos e foi parar na abertura da novela Partido Alto com dançarinos que usavam as roupas extravagantes e coloridas que viraram moda.



A abertura da novela Brega & Chique de 1987, mostrava a moda alta costura das socialites e também a moda tipo "barraca de camelô" das suburbanas dos anos 80.


Fechando os anos 80 nas aberturas, na novela Top Model de 1989, se via também a transição da moda que estava mudando para se entrar na década de 90. Na abertura podemos ver os tons de mostarda e terracota que estavam na moda daquele ano e também o macaquinho que fez parte do guarda-roupa daquela época.

Susana Vieira lança a moda da blusa de cetim amarrada na cintura e a calça de couro na novela Baila Comigo em 1981.

Glória Pires causou sensação ao lançar a moda de usar um brinco só na novela Água Viva de 1980

Ainda em Água Viva, Glória usava uma bolsa de franjas que virou modismo.


Dois modismos em Plumas & Paetês de 1980, Mila Moreira usa ombreiras, um ícone da moda dos anos 80 e Lúcia Alves com permanente nos cabelos.

Mario Gomes lançou a moda do colete jeans também na novela Vereda Tropical de 1984.

 A franja repicada foi um dos cortes de cabelo mais usado nos anos 80 como usado aqui por Christiane Torloni na novela Baila Comigo de 1981.

As roupas de ginástica e o cabelo crespo de Betty Faria em Baila Comigo de 1981 viraram moda.

 Ainda em Baila Comigo, Lídia Brondi lança a moda do corte de cabelo "poodle"

Vera Fischer com seu cabelo curto feito permanente e o colar de bandana na novela Brilhante de 1981

 E na mesma novela, ela lançou a moda do macacão estampado.

Christiane Torloni na novela Elas por Elas de 1982, usando uma blusa com manga bufante e cintão largo.

Maitê Proença usando um vestido com muitos babados na manga e blush carregado no rosto na novela Guerra dos Sexos de 1983

Tônia Carreiro usando um terninho, Teresa Raquel com vestido balonê, Bruna Lombardi com blusa decote canoa e Christiane Torloni usando blusa manga morcego e calça bufante na novela Louco Amor de 1983.

 Bia Seidl  na novela Louco Amor e a moda do corte de cabelo Chanel, o pretinho básico com jabôs de renda nas mangas e gola.

Cassio Gabus Mendes lançou a moda do "colar do Greg", nome do seu personagem rebelde na novela Champagne em 1983 que era um fio espiral de telefone com um fecho de chaveiro. O sucesso foi tanto que todos os camelôs tinham para vender.

 Christiane Torloni na novela Partido Alto de 1984, com cabelos volumosos e a moda da calça cigarrete estampada.

 Dora Pelegrino na novela Livre Para Voar, de 1984, usando blusa com recortes e botões gigantes e brincos enormes geométricos.

Eva Wilma usando a moda das listras e Isabela Garcia com uma blusa ultra estampada na novela De Quina Pra Lua de 1985.

Nunca houve um corte de cabelo tão bizarro como o Mullet, era usado por homens e mulheres, ele deixava o cabelo curto nas laterais e comprido em cima e atrás, foi usado por Fábio Jr em Roque Santeiro e Malu Mader em Ti Ti Ti, novelas de 1985

Christiane Torloni com o cabelo crespo e corte assimétrico e um vestido tubinho com manga japonesa na novela A Gata Comeu de 1985

 Outro modismo foi o corte de cabelo com um rabinho atrás que a Mayara Magri usava na novela A Gata Comeu.

 Regina Duarte como Viúva Porcina, era uma perua usando as faixas de tule no cabelo, chemises enormes com calças cigarrete em Roque Santeiro, novela de 1985

José Wilker, o protagonista de Roque Santeiro, usava chapéu de panamá e óculos de sol, mesmo sendo à noite.

Reginaldo Faria como Jacques Leclair na 1ª versão de Ti Ti Ti de 1985, era um estilista chique usando cores claras e blazer com camiseta.

O batom Boka Loka usado na novela Ti Ti Ti virou um sucesso e foi produzido pela Davene. Aqui usado por Lúcia Alves que tem os cabelos modelados com gel, outro modismo dos anos 80.

 A saudosa Sandra Brea em Ti Ti Ti, usando cabelos curtíssimos, de nuca batida, super na moda nos anos 80. Ela também usava brincos feito com fivela de bolsa que fizeram sucesso.

 Ainda em Ti Ti Ti, não poderia se esquecer das estampas coloridas e geométricas em estilo "New Wave" que estavam em alta.

Regina Casé roubou a cena na novela  Cambalacho vivendo Tina Pepper, além da cabeleira, ela usava os conjuntos de chamalote com meia fina colorida que virou moda em 1986.


 Débora Bloch em Cambalacho, com um visual bem New Wave, camisa estampada com ombreiras, cinto largo, maquiagem forte e tule amarrado no cabelo.

 O franjão usado por Maria Zilda em Hipertensão de 1986 virou moda, estranho era o brinco de pele que ela usava.

 Fernanda Torres na novela Selva de Pedra lançou a moda dos óculos gatinho e a camisa gola militar com manga presunto.

Beth Goulart também em Selva de Pedra e o corte de cabelo punk.

Yoná Magalhães com blusa de lycra justa e Cláudia Abreu com uma camisetona estampada na novela O Outro de 1987

Vera Fischer usando vestido drapeado na novela Mandala de 1987


 Cláudia Raia com a moda dos cabelos volumosos, blusa com decote V e manga borboleta. Também temos Alexandre Frota com camiseta decotada na novela Sassaricando de 1987.

Maitê Proença com a moda dos cabelos feito escova pra fora e a parka metálica na novela Sassaricando.

 Ainda em Sassaricando, Eva Wilma e Tônia Carrero usando listras e Irene Ravache com os chemises estampados, muito usado nos anos 80.

Marília Pera com o corte de cabelo assimétrico que era chiquérrimo na época, na novela Brega & Chique de 1987

 Guilherme Leme usando colete jeans e Guilherme Fontes lançaram a moda da bandana para os homens na novela Bebê a Bordo de 1988

 Isabela Garcia, a protagonista de Bebê À Bordo, causou frisson usando batom bordô que logo foi copiado por todas telespectadoras

 Beatriz Segall usando um blazer de corte clássico e Glória Pires com corte de cabelo chanel na novela Vale Tudo de 1988.

 Outro modismo foi a franjinha reta usada por Lídia Brondi em Vale Tudo, às vezes ela usava palitinhos japoneses no cabelo, outro modismo dos anos 80

Não podemos esquecer do visual da Lilian Cabral, que vivia a despachada secretária Aldeíde Candeias em Vale Tudo, ela usava adornos de cabelos que na época que ficaram conhecidos como "Xuxinha".

Malu Mader e José Mayer usaram e abusaram do bom e velho jeans na novela Fera Radical de 1988, a moda que pegou foram as calças e jaquetas com lavagem stonewash. Malu Máder usava em algumas cenas, uma calça jeans na cor ferrugem que logo foi copiado pelos telespectadores.


Bia Seild usava camisas transparentes e esvoaçantes com pantalona, também antecipava a moda do topete que iria se usar nos anos 90 na novela O Sexo dos Anjos de 1989.

Betty Faria usava roupas exuberantes na novela Tieta de 1989 que até criou uma marca de roupa na época, chamada Tieta by Betty Faria. Destaque para o conjunto de couro vermelho e a moda do batom laranja que foi lançado pela Coty.

Via:TV Globo, Teledramaturgia, blog Revista Amiga & Novelas, Modaspot e Veja

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...